POLÍCIA MILITAR - FORMATURA DO CSTSP 2012/2013, MAIS 600 SARGENTOS REFORÇAM A SEGURANÇA PÚBLICA NO ESTADO

O policiamento em todo o Estado será, a partir de hoje, reforçado com mais 616 sargentos que concluíram o Curso Superior de Tecnologia em Segurança Pública – CSTSP 2012/2013. A solenidade foi realizada na manhã desta sexta-feira, 20, no Mineirinho, em Belo Horizonte, na presença de um público superior a 5 mil, e de autoridades como o comandante-geral da Polícia Militar, Coronel Márcio Martins Sant´Ana; o chefe do Estado-Maior, Cel Divino Pereira de Brito, e o chefe do Gabinete Militar, Coronel Luís Carlos Martins.

O diferencial dessa turma é que ela é a primeira a participar de um concurso interno da Corporação com exigência do 3º grau. “Saímos na frente e estamos orgulhosos por isso”, afirmou o Cel Sant`Ana, para depois acrescentar que "os mineiros acabam de receber policiais militares com conhecimento, técnica e táticas para contribuir na solução de problemas de segurança pública”.  

Com duração de 13 meses, quatro a mais do curso anterior que não necessitava de curso superior, o CSTSP consumiu 2.030 horas/aula, divididas em atividades práticas e teóricas. “O nosso objetivo principal é formar bons profissionais de segurança pública, que poderão dar respostas satisfatórias à sociedade”, observou o comandante-geral.

Os policiais militares, ainda segundo o Cel Sant´Ana, terão, a partir desse momento, uma nova perspectiva em sua vida profissional, que continuará exigindo muita dedicação e esforço individual e coletivo. De acordo com o oficial, a Corporação inaugura
um novo marco histórico na formação de praças.

GANHAM TODOS
 
O Cel Brito, por sua vez, disse que, com o curso superior para sargentos, ganha a Corporação, ganham os policiais militares e ganha a sociedade, que terá um profissional alinhado com as tarefas previstas na Classificação Brasileira de Ocupações. O oficial explicou que o sargentos, com formação de nível superior, alcançaram um perfil profissiográfico que envolveu, dentre outras coisas, internalização de valores de responsabilidade social, justiça e ética profissional.

Eles estão preparados para comandar destacamentos,  guarnições de radiopatrulha e a guarda de quartel, auxiliar oficiais na administração das atividades da unidade; participar na formação e treinamento de policiais, auxiliar na fiscalização e gestão das ações e operações de policiamento ostensivo e auxiliar e desenvolver processos e procedimentos administrativos militares.
 
(Alexandre França)

Fonte: PMMG
Newer Posts Older Posts
© Copyright Traduzido Por: Mais Template | Designed By Code Nirvana
Back To Top